Esboço de pregação - Olhando para Jesus em todo tempo

esboco-de-pregacao
Introdução
Reflitamos sobre o que disse o profeta Isaías,  mas eis para quem olharei. Para quem devemos olhar? Para o homem ou para Deus? Vivemos em uma época em que o homem prefere olhar mais para o próprio homem do que se voltar para Deus. Primeiro vejamos uma definição do que é olhar, olhar de Deus e olhar de homem.

Biblicamente, olhar é:
Buscar, voltar-se, aproximar-se.

Humanamente, olhar é:
Valorizar aquilo que é natural, humano, material.

Deus é:
O sobrenatural, o maior, o transcendental, o espiritual.

1. Vale mais a pena olhar para Deus do que para o homem, por que:
1.1 — Quando eu olho para você, eu me vejo
Possuímos características de temperamento e gestos muitas vezes iguais. Mas, quando olho para Deus, não vejo ninguém igual a Ele. Porque desde a antiguidade não se ouviu, nem com ouvidos se percebeu, nem com os olhos se viu um Deus além de ti, que trabalhe para aquele que nele espera (Is 64.4). Eu sou o SENHOR [...] fora de mim, não há Deus (Is 45.5).
1.2 — Quando eu olho para você, descubro que somos limitados.
Somos limitados a tempo, espaço e circunstâncias. Esperamos nove meses para nascer, um ano para articular as primeiras palavras e começar a andar, de 12 a 15 anos para descobrir que o pai não é super-herói, 21 anos para atingir a maturidade, e acumulamos experiências a partir dos 30 anos de idade. Mas, quando olhamos para Deus, vemos a Sua grandeza e o Seu poder (Is 43.13).
1.3 — Quando eu olho para você, descubro que copiamos muito mais do que criamos.
Quando criamos, precisamos juntar dados, informações e conhecimentos. Só podemos criar algo com acúmulo de conhecimento. Imitamos muito mais do que criamos. Mas, quando olhamos para Deus, descobrimos que Ele cria e sustenta tudo pela palavra do Seu poder (Hb 1.3).
1.4 — Quando eu olho para você, descubro que a nossa visão é limitada.
Quanto menor for o objeto, mais difícil será enxergá-lo. Se houver algum obstáculo, não se poderá ver o que estiver por trás dele. Não temos visão de raios x. Mas, quando olhamos para o Senhor, descobrimos que os Seus olhos estão por toda a terra, contemplando maus e bons (Pv 15.3). Não há nada encoberto diante dele (Hb 4.13).

Subsídio teológico
Destacamos aqui dois atributos que Deus possui: a onisciência e a onipresença. Por isso, Ele conhece tudo. A palavra onisciência tem origem em duas palavras latinas: omnis, que significa tudo, escientia, que quer dizer conhecimento. O conhecimento de Deus estende-se para o passado, por todo o tempo, até o ponto em que ainda não havia tempo, e para todo o presente e todo o futuro possível. A palavra onipresença é a aglutinação de duas palavras latinas: omnis, que significa tudo, e preasum, que quer dizer estar próximo ou presente. Deus penetra todas as coisas, habita nos cristãos e é onipresente no mundo. Sua presença garante a continuação de todos os outros seres.
1.5 — Quando eu olho para você, percebo que muitas vezes passamos despercebidos .
Mas, quando olho para Deus, tenho a certeza de que Ele está me vendo. Deus não está distraído. O Seu olhar envolve proteção, consolo e segurança. Os olhos do Senhor estão sobre os que o temem (SI 33.18a).
1.6 — Quando eu olho para você, muitas vezes busco uma direção e uma resposta, e não encontro
Mesmo psicólogos, terapeutas, psicanalistas e psiquiatras) que estudam o comportamento humano, elaboram hipóteses sobre os casos, pois não são
onipotentes. Para muitos casos, não conseguem encontrar a solução. Mas, quando olho para Deus, sou iluminado (Sl 34.5). Dele é a resposta da boca (Pv 16.1).
1.7 — Quando eu olho para você, os problemas continuam a ser gigantes
Isso porque você também enfrenta lutas como eu. Mas, quando eu olho para Deus, o dia mau deixa de ser gigante; quem passa a ser gigante sou eu, e venço as tribulações, como Davi venceu o gigante Golias (1 Sm17.49).
1.8 — Muitas vezes eu procuro você com o meu olhar, e não o encontro.
Mas, todas as vezes que buscamos a Deus, encontramo-lo (Is 55.6). Ele está perto de nós e disse que aquele que o procura de maneira nenhuma será rechaçado.

Conclusão
Em qualquer adversidade, devemos olhar para Deus, como fez Davi. Ninguém poderá impedir o Seu agir. Busquemo-lo como o autor e consumador de nossa fé (Hb 12.2). É tempo de buscarmos o Senhor.

Leia outros esboços de pregações:



1 Comentários:

 
MEFIBOSETE ESBOÇOS © 2012 | Template By Jasriman Sukri