O Deus que supre as nossas necessidades

deus-provedorTexto: Filipenses 4.19
O meu Deus, segundo as suas riquezas, suprirá todas as vossas necessidades em glória, por Cristo Jesus

Introdução
Apenas admitir que o Senhor tem poder para suprir todas as necessidades humanas não é suficiente. É preciso analisar cada uma dessas necessidades básicas, bem como os princípios poderosos revelados na Bíblia, pelos quais o Deus onipotente, Criador dos céus, da terra e do homem, que sabe tudo a nosso respeito, provê o suprimento de todas as nossas necessidades.

1. Deus supre as nossas necessidades em três áreas
1.1 — Fisiológica e material
Deus criou os rios, o ar, a terra, o reino mineral, o vegetal e o animal pensando em dar provisão ao homem. Deus proveu meios de o homem alimentar-se de forma variada e equilibrada, construir abrigos seguros, organizar -se socialmente e planejar um amanhã melhor para as futuras gerações.

1.2 — Psicológica e emocional
Quando essas necessidades são supridas, tornamo-nos emocionalmente saudáveis, pois elevamos nossa auto-estima, cultivamos uma auto-imagem positiva, obtemos uma maior autoconfiança , desenvolvemos melhor a nossa capacidade de refletir e criar, sonhamos sem perder o contato com a realidade, aprendemos a administrar as nossas emoções e sentimentos sem bloqueá-los, lidamos com pressões e oposições, internalizamos valores morais e éticos e toleramos as fraquezas alheias.
1.3 — Espiritual
O homem não é só matéria. Ele é um ser espiritual e tem necessidades espirituais, as quais não podem ser supridas com bens materiais, fama, sucesso, sexo e drogas. Só Deus pode preencher o vazio no homem causado pela queda.

II. Condições que nos foram estabelecidas pelo Deus supridor
Se quisermos ser abençoados nas áreas fisiológica e material, temos de:
2.1 — Obedecer a Deus
O Senhor prometeu fazer descer chuvas de bênçãos sobre a terra se o Seu povo lhe obedecer (Dt 11.13-15).
2.2 — Priorizar Deus
Em Mateus 6.25-33,0 Senhor Jesus ensinou os Seus discípulos sobre quem e o que eles deveriam priorizar.
2.3 — Trabalhar
O apóstolo Paulo trabalhava para não ser pesado a ninguém (1 Ts 2.9). Se quisermos ter uma vida digna, com as provisões materiais necessárias, teremos de trabalhar.
2.4 — Honrar a Deus com nossas primícias
Devemos honrar ao Senhor dando o dízimo de nosso tempo e de tudo quanto ganhamos, ofertando voluntariamente para a obra de Deus (2 Co 9.7).
2.5 — Praticar a liberalidade
Jesus disse: Dai, e ser-vos-á dado (Lc 6.38a). Mais bem-aventurada coisa é dar (At 20.35b).

III. Deus supre as nossas necessidades psicológicas e emocionais.
Ele:
3.1 — Eleva a nossa autoestima
A autoestima funciona como o “sistema imunológico da consciência”. Quem possui autoestima elevada tem mais resistência às intempéries, força de vontade e capacidade para superar os obstáculos e recomeçar após frustrações e fracassos. As pessoas com autoestima saudável conseguem amar e ajudar os outros, cumprindo assim o que está escrito em Efésios 4.32.
3.2 — Usa a igreja como um lugar para valorizar o ser
É na igreja que a pessoa entende que Deus a ama e pagou um alto preço para resgatá-la. É na igreja que ela se conscientiza de que Deus a adotou como filha e de que faz parte da família dele. Na igreja, todos os membros são igualmente importantes, de maneira que, se um membro sofre, todos sofrem (1 Co 12.26).
3.3 — Proporciona bom relacionamento com o próximo
Todo ser humano precisa sentir-se amado e aceito em seu convívio social. Por isso, Deus criou a igreja visando providenciar um lugar onde pudéssemos relacionar-nos uns com os outros, como se fôssemos um só Corpo, cuja cabeça é Cristo (1 Co 12.12).
3.4 — Dá afeto, amizade e comunhão
Quando o Senhor nos criou, deixou três vazios a serem preenchidos: o de pai, o de mãe e o dele mesmo. O Senhor pode preencher as duas primeiras ausências, mas, quanto ao vazio de Deus, é impossível conseguir um subst ituto para suprir essa necessidade (SI 27.10).
3.5 — Dá apoio e segurança
A amizade com o Senhor proporciona mais esse suprimento para a área psicológica e emocional. A expressão Não temas é mencionada, no mínimo, 50 vezes na Bíblia. Isso porque segurança é uma necessidade de todo ser humano (ver Si 91.1-16 e 121.1-8 — promessas).
3.6 — Dá crescimento e realização pessoal
Ao criar o homem à Sua imagem e semelhança, Deus disse: multiplicai! (Gn 1.28). Para conquistar uma posição melhor neste mundo, é preciso ser determinado, assim, vive-se o que está no Salmo 112.1-3.


IV. Deus supre as nossas necessidades espirituais. Ele:
4.1 — Sacia a nossa sede de Sua presença
O autor do Salmo 42.1,2,5,11 falou de sua sede espiritual.
4.2 — Concede-nos o perdão e a salvação
Isso é o que está escrito em Romanos 3.23-26.
4.3 — Dá-nos a liberdade e a paz
O Mestre ratificou isso com o que disse em Lucas 4.18,19,21.
4.4 — Fortalece-nos na fé e produz viva esperança de vida eterna
O apóstolo Paulo falou sobre isso em Romanos 5.1,2.

Conclusão
Podemos temer ao Senhor, obedecendo ao que diz o Salmo 34.9, a fim de moldarmo-nos à imagem de Cristo, crescermos e atingirmos a estatura de varão perfeito (Ef 4.13), pois assim alcançaremos uma vida plena e feliz aqui e na eternidade. Que Deus nos abençoe, e supra, por intermédio de Cristo, todas as nossas necessidades fisiológicas, psicológicas, emocionais e espirituais.


Quer fazer Bacharel em Teologia - Então Clique - By Mefibosete

6 Comentários:

 
MEFIBOSETE ESBOÇOS © 2012 | Template By Jasriman Sukri