Noé: Exemplo de obediência

Você ama pregar a palavra de Deus, mas tem dificuldades para preparar uma pregação? CLIQUE AQUI


“E Noé fez tudo exatamente como Deus tinha ordenado” Gn. 7: 5

E a Bíblia fala assim de Noé:  ele obedeceu a Deus em tudo.  Noé foi abundante no obedecer.  Lembro-me dos serventes, das bodas de Caná da Galiléia, que encheram as talhas que Jesus pediu até em cima.  Assim, Jesus transformou aquela água que servia para purificação em vinho, no melhor dos vinhos. Como anda a minha obediência?  Como anda sua obediência?  Acerca de Noé, lemos que ele fez tudo que O Senhor ordenou.  A obediência dele é um exemplo.  A ordem para ele foi a construção da arca. Para nós, é pregar o evangelho a toda criatura.


Noé obedeceu a Deus, vivendo no meio de uma geração corrompida e violenta.  Ele não encontrou eco, nem par na sua obediência.  Deus olhou para a humanidade e só achou Noé.  Daquela geração (Gn. 6:5), sabemos a grande maldade: que seus pensamentos eram malignos; bebiam, comiam, casavam-se e se davam em casamento, sem discernir o juízo que sobreviria (Mt. 24:37-42).  Noé, porém, andava com Deus (Gn. 6:9) e obedeceu a ordem de Deus de construir a arca.  A construção da arca demorou 120 anos.  Não foram 120 dias, mas 120 anos.  Ele perseverou em obedecer.  Enfrentou zombarias e deboches, mas continuou obedecendo.  Durante todo este tempo, ele foi pregoeiro da Justiça (II Pe. 2:5).  Sua vida e a arca eram o “outdoor” da justiça de Deus na terra.  Todavia, aquela geração continuou comendo e bebendo, casando-se e dando-se em casamento,  e desobedecendo a Deus.   Noé, por sua vez, obedecendo.

Como Noé conseguiu obedecer, vivendo naquele ambiente desfavorável?  A resposta encontra-se em Hb. 11: 7: “Pela fé, Noé, divinamente avisado das coisas que ainda não se viam, sendo temente a Deus, preparou uma arca para o salvamento da sua família; e por esta fé condenou o mundo, e tornou-se herdeiro da justiça que é segundo a fé”. Ele obedeceu porque creu. Porque teve fé.  Para se obedecer a Deus tem que se ter fé.  Para se obedecer as ordens de um Deus que não se vê, é necessário fé.  As coisas deste mundo cooperam para a desobediência.  Quando desejamos desobedecer, encontramos facilidades, mas o caminho da obediência é estreito e difícil.  Não foi fácil para Noé obedecer no meio daquela geração.  Mas como podemos vencer o mundo?  “…e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé” (I Jo. 5:4).  Vivendo em fé: venceremos.

Outro aspecto da obediência de Noé foi que ele teve um parceiro que o ajudou obedecer.  Este parceiro foi o próprio Deus.  Deus mandou Noé construir a arca, porém Noé não poderia fazer chover.  Deus o fez.  Noé não podia fechar por fora a porta da sua arca.  Foi  Deus que fechou.  Jesus falou em Mt. 11:29: “Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; e achareis descanso para a vossa alma”.  O jugo de que Jesus falou era posto em dois animais e estes puxavam o carro do arado.  Preste atenção, era necessário que dois puxassem.   Jesus falou: “meu jugo”, significando “o jugo que levo”. Jesus Cristo, do outro lado, me ajuda a carregá-lo.  Por isso o jugo dele é suave. Deus ainda prometeu em I Co. 10:13 – “Não vos sobreveio tentação que não fosse humana; mas Deus é fiel e não permitirá que sejais tentados além das vossas forças; pelo contrário, juntamente com a tentação, vos proverá livramento, de sorte que a possais suportar.”  Quando somos tentados a desobedecer Deus promete ser o nosso parceiro não permitindo que sejamos tentados além do que podemos nos suportar e ainda providencia o escape.

A obediência de Noé trouxe benefícios a sua família e a toda humanidade.  A humanidade foi preservada do dilúvio, porque Noé obedeceu.  Hoje vivemos, porque Noé sobreviveu ao dilúvio.  Fica a lição de que a obediência a Deus traz benefícios em nossa volta.  O contrário, a desobediência, traz malefícios e prejuízos.  É melhor obedecer.  Indo contra o senso e a geração de sua época, ele construiu a arca e foi a obediência que salvou-o, assim como a sua família e a humanidade.

Entretanto, a história de Noé apresenta uma mácula.  Já em terra firme ele prosperou e plantou uma vinha.  Bebeu do fruto da vide e se embriagou de tal forma que ficou nu, com as vergonhas de fora.  Certamente falando bobagens.  Um homem temente a Deus e cheio de fé desobedeceu a Deus neste momento.  O fato de a Bíblia registrar este episódio de Noé, não me desanima quanto a obedecer a Deus, pelo contrário.  Isto me mostra que Noé era gente como eu, passível de fraquezas, e foi este homem ,gente como a gente, que O Senhor usou para reescrever a história da humanidade.  Isto me mostra que Deus pode me usar “apesar de já ter me embriagado em algumas vinhas”.  A desobediência de Noé me ensina que posso obedecer.  Posso ser usado também como Noé o foi.  “Se já me embriaguei”, devo confessar a Deus o meu pecado e seguir avante.  Porque tenho uma arca para divulgar a todas as nações e esta arca é Jesus. Devo convidar a todos que entrem na arca, porque o “dilúvio” se aproxima.  A volta de Cristo está próxima.  A geração de Noé é bem semelhante a nossa.  Oremos a Deus para que sejamos “Nóes” no meio desta geração perversa.

Quer ir mais alem do que estudar esse Artigo e ter em sua disposição materiais de apoio que lhe ajudarão a preparar e elaborar suas pregações e estudos Biblicos?

Eu Mefibosete Bastos recomendo esse material que mais de 6500 pessoas já Adquiriram.
Um material voltado para Pregadores Iniciantes com videos explicativos e ebooks PDF
CLIQUE AQUI AGORA E CONFIRA O SUPER KIT MANUAL DO PREGADOR

Se Gostou, Compartilhe

FacebookTwitterGoogle+


EmoticonEmoticon